Garota de 14 anos perde a vida eletrocutada enquanto usava celular no banheiro

Devido à praticidade que os celulares têm, as pessoas dependem cada vez mais deles. Enquanto estes smartphones possuem várias vantagens, existem também alguns inconvenientes.

Acidentes são constantemente causados pelo uso do celular nas estradas, nas escolas e em muitos outros lugares.

Nos Estados Unidos uma adolescente perdeu a vida após ser eletrocutada pelo uso do celular, você pode imaginar?

Madison Coe, uma garota de 14 anos que vivia em Lovington, Estados Unidos, é a última vítima que se foi ligada a um celular. Ela foi eletrocutada usando o smartphone enquanto tomava banho.

A adolescente pode ter pego o celular enquanto estava no chuveiro ou o colocado para carregar enquanto ainda estava lá, o que levou ao acidente, segundo sua mãe e avó.

Foi divulgado que a menina tinha uma marca de queimadura em sua mão, o que indica que ela estava segurando o celular.

Ela tinha acabado de se formar na 8ª série antes desse trágico acidente. Ela era conhecida como uma garota inteligente, cheia de entusiasmo pela vida e com uma sabedoria além de sua idade.

4 Cuidados com o celular

Nos dias atuais, podemos afirmar que a grande maioria da população brasileira, principalmente jovens, têm acesso fácil a celulares e smartphones.

Por um lado, é muito bom ter todas as facilidades que um aparelho celular pode trazer, por outro, é preocupante que a maioria das pessoas que depende do celular não sabe sobre os riscos que estes aparelhos podem causar.

Lugar de celular não é no banheiro

O banheiro é um dos principais locais de perdas de celulares. A forma mais comum é derrubando no vaso sanitário. Tomar banho com o aparelho no mesmo ambiente também não é bom.

A umidade infiltra-se no celular e pode corroer circuitos eletrônicos, além de poder provocar grandes acidentes. Carregar o celular enquanto toma banho também é uma péssima ideia.

Não o deixe carregando a noite toda

Carregar seu smartphone durante toda a noite é algo comum para muitas pessoas. E realmente não existe nenhum problema em fazer isso caso seu celular esteja funcionando sem nenhum defeito.

No entanto, caso ocorra qualquer problema com o sistema de proteção de carga do seu celular, o prejuízo pode ser grande.

O mais comum é o aparelho superaquecer e até explodir. Evite deixá-lo carregando perto da cama, sofás e outros móveis que podem pegar fogo. Evite ainda mais que seja perto de você.Não use enquanto dirige

Com o celular no ouvido, o motorista reage de forma mais lenta. Dificilmente olha para o retrovisor, assume uma trajetória errática na via, reduz ou ultrapassa a velocidade compatível com o tráfego.

Avança o sinal, tem dificuldade para trocar marchas e simplesmente não vê as placas de sinalização no trânsito. Cada uma dessas situações já poderia desencadear um acidente.

Evite tê-lo perto da cabeça por muito tempo

O aparelho emite uma radiação eletromagnética a partir da antena acoplada ao aparelho. Essa radiação tem uma frequência alta e, como o celular é um aparelho usado muito próximo ao corpo, em especial à cabeça, a maior parte dessas ondas são totalmente absorvidas pelo corpo humano.

Fonte: Dicas Online