Em vídeo emocionante, pai que perdeu a filha em “nova brincadeira” da escola faz um pedido às crianças

O senhor Manoel disse que a perda da filha é algo que chocou e muito toda a família. Um dos assuntos mais comentados nos últimos dias na internet foi à brincadeira efetuada por crianças em escolas de todo o país.

O que chama à atenção é que a brincadeira não tem explicação nenhuma para estar acontecendo e com certeza não tem nenhuma produtividade para a vida escolar. O que deixa os pais de certa maneira bem preocupados com seus filhos.

A brincadeira possui o nome de “Rasteira” e consiste na simples situação da criança pular enquanto outras duas puxam suas pernas no ar, o que faz com que a criança caia de maneira descontrolada e muito forte para trás, fazendo assim com que sua cabeça venha possivelmente chocar-se contra o chão.

Após o surgimento da brincadeira, ela foi de certa maneira comparada há outra brincadeira que acontecia até pouco tempo, chamada de “Roleta Humana”. E que veio com isso deixar uma família em estado de choque. Isso porque, uma menina de nome Emanuela veio a falecer. Ao cair ela bateu muito forte com a cabeça, causando assim um traumatismo craniano, o que levou a jovem a óbito.

O pai da garota, o senhor Manoel Rita, resolveu se pronunciar nesta quarta-feira (12) ao saber que a brincadeira havia voltado com força total.

Ele muito emocionado chegou a chorar, e em entrevista pediu para que as crianças parem com isso, pois a brincadeira pode causar sérios danos e relata que não quer que nenhuma família sinta a dor que ele sentiu.

Manoel disse ser uma dor tremenda e o que deixa o mesmo mais inconformado é que sua filha morreu por uma brincadeira boba. Se não fosse isso ainda estaria perto dos amigos e familiares. Emanuela morreu aos 16 anos, até foi socorrida ao hospital e permaneceu por alguns dias na UTI, porém não resistiu aos ferimentos e veio mesmo a falecer.

Via: mossorohoje.com.br