Jamais ignore este sinal: esta pode ser a verdadeira razão da sua dor nas costas

Com certeza você já deve ter sofrido com dor nas costas alguma vez. Esse tipo de dor é muito comum e frequente, de cada 10 pessoas, 7 são afetadas. Pesquisas realizadas por institutos médicos indicam que 80% da humanidade vai ter este tipo de problema em algum momento de suas vidas.

A dor na região da lombar, pode se concentrar em diversos pontos variados, porém, ela geralmente se encontra na parte inferior das costas. Em 10% dos casos, essa dor se torna crônica (que persiste por mais de 3 meses). Devido a esse motivo, o problema na coluna não pode ser simplesmente ignorado.

Além de atrapalhar sua rotina, a dor persistente, se não tratada, pode evoluir para algo ainda mais grave. Agora, o porquê da dor se concentrar mais nas partes inferiores? Nesta matéria, vamos tentar explicar cada detalhe.

A concentração de estresse diário é a resposta. A parte superior acaba sobrecarregando a inferior com seus trinta pequenos ossos, as vértebras, que se empilham umas sobre as outras. Entretanto, outros motivos podem ser a causa da dor nas costas.

Por exemplo, um cisto pilonidal, um processo inflamatório que acomete a região entre as nádegas. Sendo mais comum em homens com sobrepeso, esse cisto pode causar infecção e o surgimento de pus pode aparecer.

Nessas situações, é muito comum surgir um pequeno “pontinho” na parte inferior do cóccix, localizado no lado direito das nádegas. Tenha muito cuidado quando esse sinal surgir, se for constatado, procure imediatamente seu médico para iniciar o tratamento.

Entretanto, em alguns casos, a doença pilonidal pode ser assintomática. Quando surgem sintomas, os seus principais são: inchaço, vermelhidão, febre e dores, comuns após a inflamação.

Quando confirmado o caso de cisto pilonidal, o tratamento é feito através de uma cirurgia que irá retirar o caroço. A recuperação é relativamente simples.

Outros motivos para se ter uma dor nas costas são uma noite mal dormida ou algum tipo de sobrecarga, porém, nesses casos, as dores passam em alguns dias.

Este é um blog de notícias que contém tratamentos caseiros. Eles não substituem um especialista. Consulte sempre seu médico/Ortopedista.