Polícia apreende passaporte e mais de R$ 470 mil na casa de Nego do Borel no Rio

A Polícia Civil de São Paulo, com apoio de agentes fluminenses, cumpriu nesta quinta-feira (28) dois mandados de busca e apreensão contra Nego do Borel. Um no Rio e outro em São Paulo.

Os policiais apreenderam mais de R$ 470 mil em espécie, aparelhos eletrônicos e o passaporte do cantor na mansão dele, na Zona Oeste do Rio. O material será enviado para a capital paulista.

“O dinheiro estava em um cofre, conforme a Duda Reis havia mencionado”, disse a diretora do Departamento Geral de Polícia de Atendimento à Mulher (DGPAM), delegada Sandra Ornellas.

As buscas estão relacionadas ao boletim de ocorrência que Duda Reis, ex-noiva do cantor, registrou na 1ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), em São Paulo, há 15 dias. Eles terminaram o relacionamento em dezembro do ano passado.

Duda afirma ter sido vítima de violência e de ameaças feitas pelo ex-noivo — ele nega. Segundo a delegada, o registro da ocorrência foi feito a partir do momento em que a atriz e influenciadora registrou o caso nas redes sociais.

No momento da operação,o cantor estava em São Paulo. Agentes recolheram ainda computadores e celulares. A defesa do funkeiro e da atriz não quiseram se manifestar sobre a operação.