Urgente! Em mais de 8h de depoimento, Moro reiterou acusações e entregou novas provas contra Bolsonaro

Neste sábado, dia 02 de maio, o ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, depôs na Superintendência da Policia Federal, em Curitiba.

O depoimento foi determinado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Celso de Mello, após autorizar a abertura do inquérito para apurar as acusações de Sérgio Moro.

Moro foi ouvido pela delegada e chefe do grupo de Serviço de Inquéritos Especiais, do STF, Dr. Christiane Correa Machado, por mais de 6 horas.

Sérgio Moro chegou na PF por volta das 13h15, mas entrou pelos fundos, frustrando a expectativa dos manifestantes. Seu depoimento teve início ás 14h.

De acordo com as informações, o inquérito servirá para apurar as acusações de interferência no órgão que fez em relação ao presidente da republica, Jair Messias Bolsonaro.

Em seu depoimento o jurista apresentou novas provas contra o presidente do Brasil, além das que já havia exposto em reportagem na TV Globo, no Jornal Nacional. Vale mencionar que as investigações terão como mira tanto Moro quanto Bolsonaro.