‘Medo de morrer’: a triste história da filha presa por tirar a vida dos pais carbonizados no ABC

Ana Flávia teria deixado matarem seus pais pois temia sua própria vida. Um crime assustador e de muita repercussão foi a família que havia sido carbonizada no ABC Paulista.

As vítimas do assassinato são Flaviana e Romuyuki, e sua filha está presa pelo assassinato dos pais e do irmão de apenas 15 anos. A filha Ana Flávia e sua namorada, Carina, estão presas em uma das prisões de São Paulo. Carina teria sido cúmplice de Ana Flávia.

O advogado que defende as garotas afirma que um roubo que acontecia na família fugiu de controle, um dos assaltantes teria dito o nome de uma das meninas durante o assalto, e ambas ficaram com medo de serem mortas.

Além das duas garotas, outras quatro pessoas podem ter participação no crime. As garotas teriam pedido uma galera para fingirem um roubo na casa delas, mas tudo saiu do controle. O advogado diz com clareza e veemência que suas clientes não tem envolvimento no assassinato. O assassinato foi pensado quando abriram o cofre da família e não encontraram nenhum valor em dinheiro. Os ladrões acreditavam que havia pelo menos R$85 mil no cofre.

Um primo que também precisou depor no caso, conta que a própria filha afirmou e deixou seus pais serem mortos, sem dó, o que desde já causa muito espanto em todos que conheciam a garota.

Via: g1.globo.com